quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Relacionamento à distância funciona?


A louca vontade de estar perto, de ver, de abraçar, de beijar, enfim, de dar carinho. São vontades que ficam, literalmente, só na vontade mesmo! Ah, isso acaba com qualquer pessoa!


Como foi dito no post passado, uma de nós está passando por isso neste momento, então, escolhemos esse tema para discutir com vocês durante esta semana.


Ele está em Manaus estudando e ela mora aqui em Fortaleza, longe, né? Porém, para “suavizar” esta distância eles se falam todos os dias por msn, por telefone e por Orkut, mas será que apenas conversas mantêm um relacionamento? Não sabemos, acreditamos que seja bem difícil, mas também acreditamos que cada caso é um caso e que, por mais sonhadora que pareça, para o amor não tem fronteiras.

O fato é que hoje estávamos conversando e ela falava de alguns probleminhas/desentendimentos que estavam começando a surgir, principalmente, briguinhas bestas, o engraçado é que são típicas brigas de casais que estão perto, mas existe um problema, como eles não estão se vendo durante essas brigas, as coisas ficam mais complicadas para se resolver. Afinal, quando se está “cara a cara” conseguimos falar tudo o que queremos, além da pessoa estar vendo de imediato todas as reações da outra, o modo como ela está falando, se é irônico, se é sincero, ou seja, torna-se mais fácil que não ocorram más interpretações e mal-entendidos, porém ainda assim ocorrem... mas, quando se está longe, esses “modos de agir” são interpretado, frequentimente, de forma distorcida e, então, tudo fica mais difícil para se resolver... Não sei se vocês compreenderam, é algo um tanto quando complexo de explicar com palavras, só vivendo para entender melhor.

Mas, enfim, voltando aos problemas... em um namoro à distância, apesar da pessoa não estar “solteira”, ela se sente, na maioria das vezes, sozinha, pois não tem a companhia (física) do namorado(a) em nenhuma ocasião. Nós, mulheres, respeitamos com maior frequência as condições dos nossos relacionamentos – uma pesquisa realizada no final do ano passado, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), aponta que 60% dos homens brasileiros traem e que 47% das mulheres traem, ou seja, é comprovado que os homens traem mais que as mulheres – , mas quando a carência bate na porta com força, quando conhecemos um cara que esta sempre ao nosso lado falando tudo que necessitamos ouvir, a coisa torna-se complicada...

Isso não só com relação à mulher, com relação ao homem também. Não estamos dizendo que trair alguém que está longe seja algo justificável, pois acreditamos que, a partir do momento que você aceita manter um namoro à distância, você sabe as condições que vai ter que enfrentar... Portanto, como dizia as nossas avós “quem pariu Mateus que balance”, ou seja, enfrente as condições desse relacionamento de forma respeitosa com o outro. Porém, toda essa situação é desagradável, mas o pior mesmo é quando você faz a sua “parte” e se torturar pensando se a pessoa está fazendo a dela, é complicado! Vem um medo, uma agonia, um aperto no peito, uma vontade de desistir, de jogar tudo para o alto e esquecer o que foi vivido e aconteceu, pois não é fácil renunciar às festas, aos paqueras, à vida normal, principalmente, quando se está há um bom tempo sem relacionamentos sérios, e arriscar em algo completamente incerto. Meninas, sinto desapontá-las, mas não tem como saber se a pessoa é fiel, pelo menos ainda não descobrimos essa fórmula, portanto, a única saída é confiar e acreditar que se o homem, ou a mulher, estão realmente com os corações em sintonia, a fidelidade prevalece! Precisamos, como todas as coisas em nossas vidas, colocar tudo em uma balança, racional e emocional, e pensar muito se agüentamos tal peso, se é isso que queremos, se estamos dispostas (os) a enfrentar as consequências que viram, porque viram...


É garotas, o que fazer? Continuar, ou não? Acreditar, ou não? Isso só quem pode responder é você, mas nunca esqueça: “Ame, apaixone-se loucamente, mas jamais feche os olhos para a realidade; confie, acredite, mas saiba que estamos sujeitos a decepções e, por mais cruel que isso pareça, essas decepções até que são boas, elas nos fazem melhor, mais maduras e mais mulheres”.

Vocês já passaram por algo desse tipo? Como foi a experiência? Se não passaram e, estão sujeitas (os) a passar, vai uma última dica: mantenha o ciúme e as contas bancárias sob controle, rsrsrs.


Beijocas,

31 comentários:

Desabafando disse...

Muito interessante o tema. Eu particularmente não acredito muito em namoro a distância. Acho que a coisa complica demais.

Já vi meu irmão terminar 2 namoros por conta disso. No primeiro a namorada foi pro Japão, ele foi fiel o tempo todo em que ela esteve longe, mas a coisa estremeceu e terminou logo depois da volta dela. Ele sofreu horrores, ficava desesperado quando não conseguia falar com ela.

Depois ele terminou com outra garota que morava em outra cidade porque só ele vivia viajando pra ve-la enquanto ela não fazia esforço algum.

Enfim...tomara que esse namoro que vc descreve dê certo mas eu acho complicado isso.

Páginas da minha vida disse...

olha,à distância ou não,a maioria dos homens são safados.podem te trair debaixo do seu nariz.mas eu não sei se é pelo fato de estarem longes,não sei,mas à distância eles traem mais.digo isso, porque tive uma amiga que namorava um rapaz da região dos lagos, e ela morava aqui no Rio.ela realmente era apaixonada por ele, falava com ele todos os dias pelo telefone,e-mail e tal,mas um dia ele acabou confessando que a traiu diversas vezes, porque estava sentindo falta de contato físico, mas que a amava assim mesmo ( ahan,sei...).claro que o relacionamento acabou nesse momento,mas o que quero dizer, é que é dificil mesmo manter um relaciomento nessas condições.

eu Fernanda, jamais namoraria alguém que morasse longe de mim.já encontrei um cara bonito,super legal,que tinha química comigo,mas preferi não começar nenhum relacionamento com ele, exatamente por esse motivo. me conheço e sei que não aguentaria essa pressão ( e tb sou desconfiada em relação aos homens né?).

como vc falou, cada caso é um caso.não dá pra generalizar.

mas torço pra que dê tudo certo ^^

tem selinho pra vcs lá :D

bjs

Dama de Cinzas disse...

Eu já passei por isso! E não gostei nadinha! Foi muito sofrimento e pouca coisa boa! Hoje em dia se eu puder fujo dessa situação!

Beijocas

***Calcinha Fru-Fru*** disse...

Olá queridas! Olha, acho bem complicado essa coisa de namoro a distancia, eu, particularmente não conseguiria... meu irmão conseguiu, mas a distancia era bem menor. Ele aqui em SJC/SP e ela em Campinas/SP... tipo, se viam de 15 em 15 dias pelo menos... entaum.... assim... sério... mesmo assim, não conseguiria! Amor pode até matar a distância, mas a distância também pode matar o amor!

Bjokas procês

Sandra Botelho disse...

Para oamor não há distancia, nem fronteiras, e a internet tem o poder de fazer proximos os que estão distante.
bjos no coração!

DESASSOSSEGADA disse...

Confesso que nao saberia manter um relacionamento a distancia.

Minha cunhada namorou por 8 anos ela aqui do Parana ele de SP acabou em casamento e ela largou familia emprego e foi viver com ele agora eles tem um filho mas conversando com ela nota-se uma certa tristeza por estar longe.

Bjos

disse...

Poxa vida... namorar a distancia deve ser super complicado, tem que ter muita paciencia, muito amor e muito respeito.
Conheço amigos que namoram a distancia e apesar dos conflitos, estão há 3 anos juntos.
Bjos e bom findi pra vcs!!!!
;)

Se o "se" não tivesse ficado só no "se" disse...

Eu já vivi essa situação e foi a época mais feliz da minha vida, nós viamos só em alguns fds, as vezes ele n voltava, ficava por lá, e nem nos falávamos todos os dias, já que ligação interurbana é cara, e na época eu n tinha pc...mesmo assim, foi o melhor namoro que eu tive, mas acho que depende da personalidade de cada um, eu gosto muito de ficar sozinha....estudando, lendo ou n fazendo nada, tenho necessidade disso, alguns namoros meus terminaram por nos vermos demais, então depende.

Anônimo disse...

É complicado mesmo, mas acredito que dependendo muito das pessoas, portanto concordo com a afirmação de que "cada caso é um caso", não é possível rotularmos. Nunca passei por essa situação, mas se um dia vier a me apaixonar por alguém que não mora aqui, não vou deixar o momento passar só por causa da distância.
Boa sorte para o caso que você descreve, estou na torcida! :)

November disse...

Olha.. é bem difícil.. mas não impossível. O meu a distância no fim acabava vendo a cada 15 dias.. ou uma vez no mês pelo menos..
Não digo que foi fácil mas não foi impossível.. e no fim acabou não pela distância em si ou por traição.. mas por coisas da vida que acontecem até com quem está por perto.
Não acho que a traição seja natural dos homens.. mulher também apronta! E, na boa? não precisa estar longe para isso...
Se gosta e acha que vale a pena: se joga!! sem medo de ser feliz...
Se fosse pra pensar demais ficaríamos na bolha.

Vanessa Uchôa disse...

claro que funciona, porque não? pena o meu não ter dado certo, mas durou o tempo que tinha que durar e posso dizer que foi nesse relacionamento que me senti realmente feliz...

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Nem precisava de tanta pesquisa, segundo a diligência dá certo por conveniência, tudo carece de um planejamento naquilo que diz respeito a futuro, pode dar certo, têm chances de não dar como qualquer relacionamento, depende do empenho de ambas as partes...

Quanto a traição... Infelizmente todos nós homens/mulheres em algum momento achamos que a grama do vizinho cresce mais verde, aí falta saber qual decisão tomar. Se vamos cuidar melhor da nossa ou se vamos pular a cerca. Convenhamos que cuidar da nossa dá trabalho. Mas como eu só sei jogar poker com All-In, prefiro apostar na minha mesmo. Embora esteja sem cartas em quem apostar minhas fichas no momento.

Sinceras e Apimentadas disse...

Já tive um relacionamento a distância, até que essa de ir e vir pesou um pouquinho...

Queridas, tem post novo o promoção lá no blog.
Dá uma espiadinha.

Beijinhos

Alice disse...

Eu não acredito em relacionamento à distância. Quando eu tinha meus 16 anos me apaixonei por um carinha de outra cidade, a gente jurou um para o outro que ficaríamos fiéis, que nos escreveríamos, nos falaríamos pelo telefone e tal. Mas foi passando o tempo, a coisa foi esfriando até que um nem mais procurou o outro. Quando voltei à cidade nas férias, nem dei bola pra ele que ficou achando que eu ainda tava a fim...

Dê! disse...

Eu realmente quero acreditar que o amor pode tudo, inclusive superar a distância!
Namoro a 1 ano, e por motivo de trabalho, eu me mudei e estamos a 8 meses mantendo este relacionamento a 600km de distância... Nos vemos a cada 15 dias, mas novamente por motivo de trabalho, agora ele quem vai mudar, e essa distância vai aumentar mais ainda... Agora é de Paraná para Distrito Federal! O problema que estamos enfrentando é a falta de tempo pra dedicação total a essa relação, mas o fato é que eu quero demais continuar... Não podemos dizer se vai ou não dar certo se não tentarmos! Eu sempre estive disposta a tudo pra que essa relação tivesse futuro, não queria me mudar, e agora estou disposta a ir pra qualquer lugar por ele!
Estamos nessa incerteza até o dia de nos vermos, até porque combinamos de ter essa conversa de frente pra poder ver como tudo vai ficar...
Eu quero muito poder dizer que quando o amor incondicional existe, tudo vale a pena!!! Meu coração diz que vale a pena...

Luh* disse...

Muito bom o tema, mais acho complicado um namoro assim, imagino o q acada um passa, pois não é distancia d 1h e sim d horas né ¬¬'
eu terminava...
beijos

Fran disse...

Eu também tô numa situação assim, mas a nossa distância é menor: 200km.
E só quem vive sabe o quanto é difícil, tem dias que TUDO o que precisamos é de um abraço daquela pessoa e temos que nos contentarmos com no máximo ouvir a voz :/
Mas eu acredito sim que pode dar certo...

Beeijos!

Viiii disse...

Oláá meninas do Diário de Solteiras!! Cabe mais uma aí?hehe
Bem, eu vivi essa situação por pouquíssimo tempo mas não foi adiante porque Ele não quis... amém. Mas tenho várias amigas que passam por essa situação e elas tem se saído bem. Mas é como vcs disseram, não há uma fórmula. O negógio é haver parceria e cumplicidade dos dois lados, respeito e sinceridade, como num relacionamento "normal"... Agora só uma dica, evite o máximo conversas por msn, geralmente a pessoa do outro lado entende tuuudo errado.
Bjos

Lady disse...

Olá, relacionamentos a distância na minha opinião, funciona por um tempo, pois a vontade de tocar, sentir e olhar nos olhos falará mais alto.
Não tem coisa melhor que estar pertinho um do outro.
Mas, conheço pessoas que ficaram um bom tempo se relacionando pela por msn, orkut, tel etc.
Adorei o blog.
Bj

..bee.. disse...

caara acho isso tudo muito complicado... Nunca passei por essa situação de um relacionamento a distância.. Quando eu era novinha me apaixonei por um menino que morava em São Paulo e eu no Rio.. falamos que manteríamos o relacionamento, mas que seria um relacionamento aberto.. péssima ideia: eu não sabia nem o que era um relacionamento "normal", quem dirá um aberto! Durou 3 meses porque os dois ficaram empurrando o fim...

Mas eu concordo com vc, acho que se vc escolheu isso, agora tem que arcar com as consequências.. E uma coisa é certa: não tem como saber se alguém está te traindo em qualquer tipo de relacionamento... É só fechar os olhos e confiar... =)

Leite disse...

eu acredito em amor a distancia.
nunca tive uma experiencia pessoal, quandoa pessoa vai embora eu simplesmente digo adeus, não por não acreditar que não possa dar certo por causa da distancia, mas porque não é a situação que quero pra mim.
verdade, as coisas já são suficientemente dificeis quando elas podem estar juntas e se satisfazendo fisicamente, e não ter esse corpo presente realmente é uma falta.
Mas o que acaba um relacionamento não é distancia, é falta de confiança, o não gostar o suficeinte para abrir mão de certas coisas, a insegurança, que cabe a ambos superar, senão não vai dar certo, nem de perto, nem de longe.

Anônimo disse...

Tive um namoro a distância de 10 meses, foi bom enguanto durou, sofro muito não estar mais com ele agora, mas ele não aguentou e seu amor acabou pela distancia e falta de estar ao lado..... Acho que namoros assim dependem tb do momento de cada um e da sua maturidade para dar certo
bjã

Anônimo disse...

Caramba é muito complicado.... Eu namorava um cara virtualmente ele era muito legal, romantico a sei la era diferente dos outros... tinha td pra da certo... porém a distância surgiu eu morava no Paraná e ele em brasilia.... a 1.612 km´s de mim... intão resolvi acabar tudo... eu sofri eu chorei mais se eu tivesse conhecido ele seria pior até por causa da idade um pokinho ele 26 e eu 15... pensa podia bem dar certo mas ja tinham 5 meses de namoro ai então acabou.. confeço não esqueci dele não eu ainda Amo ele mais não tem mais como voltar atrás... acabouuu.... bjooo....

Pri disse...

Confira vídeos de cirurgia plástica no site www.videosdecirurgiaplastica.com.br

Ana Paula disse...

Oi... vim te visitar, adorei e estou te seguindo!!!
Visite o meu tb quando puder.
http://mamaequetrabalha.blogspot.com/
Bjosssssssssss

Anônimo disse...

Olá, achei o texto mto interessante. Bom, eu já namorei a distância e estou no meu segundo namoro a distância agora. Realmente é algo mto complicado, o meu primeiro não deu certo pq esfriou... com o tempo ele enjoou de mim, e não me dava mais valor, então preferi terminar. Mas eu não falo q não da certo, (tanto q estou namorando a distancia de novo), pois isso depende mto mais das pessoas do que da distância. é mto importante ter confiança, respeito, cumplicidade e determinação! respeito, pq a distância não justifica uma traição,como alguem disse ali em cima, a partir do momento q vc aceita manter um compromisso com uma pessoa, vc tem q honrar isso... se não consegue, então não começa um namoro assim, vc não é obrigado a nada. Confiança é vital, ou vc confia ou termina... pq a sensação de ter ctz q a pessoa ta te traindo é terrível. E algo mto importante: tem q haver solução pra vcs, alguma possibilidade de irem morarem perto futuramente, e num futuro próximo de 3, 4 anos... mais q isso não dá. Se não há possiblidade de vcs morarem na mesma cidade, não vai dar certo... o namoro a distancia tem data de validade, e quando essa data chega ou vive ou morre, ou vão morar perto ou acaba. E é isso depende mto mais das pessoas, é o casal que vai fazer dar certo ou não, a distância é só um obstàculo. A distância facilita a traição, mas não é a responsavel, pq do mesmo jeito q a pessoa trai a distancia, pode trair se morarem na mesma cidade.

Wolf ☣ Haltz disse...

Nossa, tipo, eu tinha um relacionamento assim até pouco tempo. Durou uns 8 meses e poucos. Ele terminou comigo porque não dava mais certo, e surgiu um cara por aqui, dizendo tudo que eu queria ouvir, então como mágica então ele voltou dizendo que me amava dois meses depois e ficou duas semanas me mandando mensagens de 2 em 2 minutos.
Faz pouco tempo que aconteceu e ainda doí lembrar de tudo que a gente passou, mas concordo com o comentário acima: namoro à distância tem prazo de validade.
Tem que ter determinação e muito amor para continuar. Tem que se ver também, senão não dá certo.

*lavagem de roupa suja mode off*

O Cercadinho disse...

Oi, tudo bom?
Queria te convidar pra acessar um novo blog. Inclusive tua amiga já comenta aqui sempre.
O Cercadinho é o nome dele. O porquê do nome? Entra lá e descobre, assim como ela. rsrsrs
Aliás, já tem continuação da história em capítulos "Sem destino".
Segue o link que já te direcionará direto pra lá:
http://o-cercadinho.blogspot.com/search/label/%23%20Hist%C3%B3rias%20em%20cap%C3%ADtulos
Dá uma olhada e veja o que tu acha.
Ahhh, e recomenda pras tuas amigas também. O ideal é que todo mundo interaja entre blogs e comente.
Conto contigo lá, ok? Assim como entrarei assiduamente aqui também.
Beijos,
Wanderlei
www.o-cercadinho.blogspot.com

Anônimo disse...

iai o que aconteceu com a menina o namoro resistiu a distancia??
namoro ha dois ano e meio e agora vou ter que mudar de estado por sete meses e estou com medo do relacionamento a distancia, que não de certo... estou super confusa!!! vou passar sete meses estudando e tenho medo que a distancia acabe com o meu relacionamento...

Anônimo disse...

Olha, depende muito. Cada um com seu jeito. Se o cara vem todo mês em minha cidade e vive bem financeiramente, vale bem a pena. É melhor esperar do que arrumar um carinha burro que mora aqui e não quer nada com a vida.

O meu é um hiper nerd e conhecido em vários sites. Eu converso tanto com a mãe dele todos os dias, ela compartilha suas angústias e tudo. :) E tenho muitos parentes onde ele mora.

Ele também conversa muito comigo e chora pra contar seus problemas. Olha que ele fica muito em casa ou na faculdade, tem pouquíssimos amigos.

Minha prima namorou durante três anos um cara espanhol e hoje são muito bem casados.


Então gente, a vida é feita de escolhas. Seja lá o relacionamento a distancia ou não, ambos vão ter seus probleminhas.

Anônimo disse...

Esse ano eu so vejo mulher

Postar um comentário